domingo, 27 de julho de 2014

PM surta e toca fogo em motos BMW da ROCAM

Por falta de equipamento de combate a incêndio, o fogo só pôde ser combatido apos os militares conseguirem um extintor emprestado
Um policial militar que terá seu nome preservado sofreu um surto psicótico na manhã deste domingo e colocou fogo em três motocicletas BMW na sede da ROCAM em Natal
.
Motocicletas atingidas pelo fogo
De acordo com informações, o PM já se encontrava afastado das suas funções por motivos de saúde, mas, mesmo assim, no último dia 23 o mesmo teria sido transferido da sua Unidade para a Companhia de Guardas.
Com a transferência, o PM teria surtado e se deslocado até a sede da ROCAM onde colocou fogo em três motos novas BMW, danificando consideravelmente as mesmas. De acordo com informações dos militares presentes, devido à ausência de extintor no local foi difícil de apagar o fogo. “Conseguiram um extintor emprestado”, disse um dos PM’s de serviço.

Os companheiros da ROCAM isolaram o local e conseguiram contornar a situação
O PM se evadiu após o incêndio e ameaçou se jogar de uma passarela em Natal. A situação foi contornada e o PM foi conduzido para atendimento médico.

Sem atendimento psiquiátrico

Há mais de um ano policiais militares do RN não dispõe de atendimento psiquiátrico no Centro Clínico da Polícia, agravando ainda mais a situação daqueles que necessitam de tal atendimento.

Com a deficiência no atendimento, a saúde dos PM’s fica comprometida já que não é realizado o acompanhamento médico devido.

Fonte: Sd Glaucia

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Policial Militar é identificado e morto em possivel assalto em Macaiba

Quatro homens abordaram um policial militar da Paraíba que vinha em seu veiculo, em uma estrada conhecida como pé do galo em Macaíba, e ao identificarem que a vitima se tratava de um policia efetuaram disparos em sua cabeça. Em seguida abandonaram o veiculo roubado e fugiram em um Corolla de
cor prata.

Fabio Cabeção, acusado do latrocinio
Segundo informações, o acusado de participar deste latrocínio e um homem conhecido pelos policiais como “Fabio Cabeção”, que já teve participação em outra ocorrência envolvendo policial em Natal, onde subtraiu uma Pt .40 do policial.

Foto cedida
A vitima foi identificada como, Jailson Teixeira, residente no bairro Planalto e trabalhava na PM da Paraíba.

Mais informações a qualquer momento.

Acusado de participação da tentativa de assalto em Parau morre em confronto com a PM

Ícaro Luiz estava sendo investigado por assaltos
Um homem identificado como Ícaro Luiz Dantas de Freitas, 23 anos de idade, morador da Rua Juvenal Lamartine, no bairro Santo Antônio reagiu à abordagem policial e foi morto após atirar contra uma guarnição da ROCAM. Ícaro  é acusado de ter participado de um assalto na cidade de Paraú/RN, onde um bandido e um vigilante da agência morreram na ação criminosa.
O fato aconteceu na manhã desta quinta feira (24), no sítio Hipólito Zona Rural de Mossoró. De acordo com informações Ícaro estaria traficando drogas naquele assentamento e teria sido baleado na madrugada do ultimo sábado, no Beco do Cassete e caído próximo ao vulco-vulco, foi socorrido e deu o nome errado para a equipe do SAMU que o socorreu para o HRTM.

Material apreendido com o acusado
No confronto com policiais da ROCAM, Ícaro estava com um revolver e uma quantidade de maconha. Todas as munições de sua arma foram deflagradas.




Fonte: Passando na hora/O câmera.

quarta-feira, 23 de julho de 2014

Loja da OI é assaltada no centro da cidade do Assu

Acusado chegando a loja
Por volta das 11hs da manha de hoje (24), a Polícia Militar foi informada de um assalto a loja da Oi, localizada na Avenida Senador João Câmara, centro de Assu.

Assaltante saindo do local

Segundo informações, um homem trajando camisão azul claro, calça jeans escura e chapéu de sol camuflado, teria chegado a pé e se apresentado como cliente da loja. Após ser atendido pelo gerente, que mostrou um aparelho celular, o acusado anunciou o assalto e exigiu todos os aparelhos.
Segundo o gerente “vitima”, o assaltante só não levou todos os aparelhos da prateleira devido a um sistema integrado com uma empresa de vigilância que deixou o larapio em duvidas.
Os funcionários foram trancados em um deposito na parte detrás da loja, e em seguida o assaltante se evadiu sem deixar pistas, subtraindo da loja um aparelho Sansung Galaxy win, o dinheiro do caixa e todos os acessórios que estavam no balcão.

Policiais da RP e GTO estiveram no local e realizaram patrulhamento no intuito de localizar o acusado, mas ninguém foi preso.

terça-feira, 22 de julho de 2014

Motocicleta com placa de Mossoró foi encontrada abandonada em Assu

A motocicleta apreendida tem placa de Mossoró/RN
Por volta das 22hs de ontem (21), policiais militares do NORE foram avisados de que havia uma motocicleta as margens da RN-016, mais precisamente na comunidade de Santa Clara.

Detalhes de adesivos no tanque
De acordo com a denuncia,dois homens estavam ao lado do veiculo, dentro do mato e outro estava as margens da RN como se fosse abordar algum veiculo ou pessoa que por ali passasse.
Os militares se dirigiram ao local e só encontraram a motocicleta, pois os suspeitos já haviam se evadido.

Numero do chassi do veiculo
Foi checada a situação do veiculo e constatado que não havia nenhuma queixa de roubo ou furto do veiculo, mesmo assim, o mesmo foi conduzido para o patio do 10º Batalhão, onde ficará até que o proprietário apareça e apresente os documentos. 

Policiais civis de Assu aderem à operação polícia legal.


A partir desta segunda (22), a delegacia municipal de Assú/RN, passa a operar conforme o movimento POLÍCIA LEGAL, que tem o objetivo de reivindicar melhores condições de trabalho e dignidade aos policiais civis do Rio Grande do Norte. A mobilização segue o lema: “ser exemplo dando exemplo”. Para tanto, os procedimentos policiais, só acontecerão em estrito cumprimento da lei, tais quais: Não fazer diligências em viaturas com documentação irregular, só utiliza-las em perfeito estado de conservação e dirigi-las tão somente mediante curso específico de condução de veículos de emergência; Não fazer diligências sem os equipamentos básicos de segurança, como: armamentos, munições, comunicadores e coletes balísticos – nas devidas condições de validade e funcionamento; somente realizar procedimentos na presença da autoridade policial, o delegado, etc.
Após anos mantendo o funcionamento da delegacia através do improviso, - desde conserto de viaturas à compra de cartuchos de impressoras, pagos, muitas vezes, pelos próprios policiais ou pedindo ajuda à sociedade assuense - os policiais civis decidiram dar um basta, e não mais trabalhar deforma irregular. “Não vamos mais mendigar para poder trabalhar, agora é com o governo, que precisa cumprir a lei e propiciar a estrutura adequada para podermos realizar as investigações”, diz um policial que não quer se identificar.

Fonte: Equipe da policia civil de Assu-RN

sábado, 19 de julho de 2014

Reajuste para a Polícia Civil é sancionado no diário oficial do estado


A sanção ao reajuste salarial para delegados, agentes e escrivães da Polícia Civil do Rio Grande do Norte foi publicada na edição deste sábado do Diário Oficial do Estado. Os percentuais — 66% para delegados, e de 35% para agentes e escrivães — são motivo de crítica por parte do Sindicato dos Policiais Civis, que criticam a disparidade entre uma categoria e outra. A discordância quanto à diferença dos reajustes concedidos para cada categoria motivou os agentes a adotarem uma mobilização denominada “Polícia Legal”. Em assembleia no último dia 14, os agentes e escrivães decidiram que, a partir desta terça-feira, não vão mais conduzir viaturas em condições ilegais. Ou seja, os agentes que não possuírem curso de formação específico para condução de veículos de emergência não poderão guiar as viaturas. Além disso, os carros que estejam com documentação atrasada serão entregues à Degepol. Na última terça-feira, agentes da Delegacia Especializada em Homicídios (DEHOM), em cumprimento à Operação Polícia Legal, fizeram a entrega de viaturas irregulares, coletes e munições vencidas. A medida desagradou o secretário estadual de Segurança Pública Eliéser Girão Monteiro Filho. Os reajustes, apesar de publicados, só entram em vigor a partir de março de 2015, e se referem à reposição salarial dos últimos quatro anos das categorias.

Fonte: Carinha da Net